IFAC inicia diagnóstico para o Planejamento Estratégico no Campus Cruzeiro do Sul

O Instituto Federal do Acre (IFAC) iniciou nessa segunda-feira, 3, com o Fórum de Gestores e comunidades interna e externa, uma das fases do Planejamento Estratégico da instituição, com o diagnóstico estratégico por campi, com a presença da reitora Rosana Cavalcante dos Santos, da Pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Gírlen Nunes, e dos consultores Peter Dostler e Marcus Flávio Lenza.

O primeiro a receber a visita da equipe do IFAC foi o Campus Cruzeiro do Sul, quando convidados externos e servidores elaboraram propostas dentro de cinco eixos temáticos: Empreendedorismo e Interação com o Mercado; Responsabilidade e Inclusão Social; Internacionalização e Inserção Social; Ciência, Tecnologia e Inovação; e Articulação com a Sociedade.

A abertura do fórum contou com a presença da Diretora Geral do Campus Cruzeiro do Sul, profa. Lilliane Martins, no auditório da unidade, com a participação de servidores e convidados externos. A reitora Rosana Cavalcante dos Santos destacou a importância do Planejamento Estratégico, em que se discute o papel do IFAC nos próximos 20 anos, através de uma concepção de gestão, fortalecendo a instituição, e com ações que contribuíssem com a sociedade.

Parcerias

Em seu pronunciamento, a reitora enfatizou as parcerias com as instituições convidadas e com o governo do Estado, lembrando a assinatura do Termo de Cooperação com o Estado, para coordenar as pesquisas na área da Piscicultura, que vai garantir a utilização dos laboratórios e estágios para os alunos do curso de Aquicultura ofertado no IFAC.

Ela lembrou, ainda, a mobilização nacional em que o IFAC está envolvido, em defesa da Educação e dos Institutos Federais. No dia 29, o Dia D convocado pelo Conif, gestores e servidores do IFAC se mobilizaram e leram a Carta de Vitória, iniciando uma série de ações em defesa da Educação e dos Institutos federais. “Os servidores e alunos do campus Cruzeiro do Sul deram um belo exemplo se manifestando contra as medidas adotadas que trazem prejuízos para a Educação e para os Institutos Federais, ao participarem do desfile de aniversário do município, no dia 28, com faixas de apoio a esse movimento que é institucionalizado e apartidário”.

O consultor Peter Dostler explicou a dinâmica das salas e dos eixos temáticos, e fez perguntas aos participantes para que respondessem através das propostas que seriam apresentas ao final da tarde. Dentre as perguntas formuladas foi o que sociedade espera do IFAC e qual a proposta transformadora que o IFAC pode apresentar a seus aos alunos. “Nós queremos um IFAC que transforme pessoas e que essas pessoas possam transformar o mundo.”

Metodologia

Pela parte da manhã, após a abertura, os grupos se reuniram em salas de aula, quando servidores técnicos administrativos e docentes elencaram uma série de propostas elaboradas com a participação do presidente da Colônia de Pescadores, Elenildo Nascimento; do superintendente do Deracre, Marcos de Souza; do analista da Embrapa, Daniel Lambertucci; do Núcleo de Apoio Pedagógico à Inclusão Social, Maria da Glória Carvalho e Adriane Costa; do representando a SEE, Anailton Salgado; do presidente do Sinteac, Edvaldo Gomes; e do Educador Social do Centro de Referência de Assistência Social, José Ronivon.

À tarde, durante a apresentação dos grupos, a presença da pequena Clara, de 10 meses, filha da servidora Nelzira, do Campus Cruzeiro do Sul, chamou a atenção do consultor Peter Dostler. Ele convidou a servidora e sua filha, antes das apresentações, e disse que as propostas discutidas pelos grupos e apresentadas para o Planejamento Estratégico iriam atender as demandas de futuro, como a da pequena Clara. Ele destacou, ainda, que os grupos fizeram contribuições valiosas.

Ao final das apresentações, a reitora Rosana Cavalcante dos Santos agradeceu a contribuição de cada convidado e servidor, e disse que era um momento de felicidade, pois estava concluindo uma fase com todos participando e envolvidos em torno de um objetivo comum. “Este é um momento especial para o IFAC. Como reitora, sinto minha alma leve, sabendo que estamos discutindo propostas que darão suporte para as ações nos próximos 20 anos. Vamos retornar ao campus com as propostas consolidadas para compartilhar com todos o nosso Planejamento Estratégico”.